Hecatonquiros

Este nome era dado a três gigantes, filhos de Gaia e Urano. O seu nome significa "cem mãos", sendo consequentemente dotados de cinquenta cabeças. Na revolta dos Titãs (também filhos de Urano e Gaia), os três irmãos - aquele que era chamado de Briareu pelos deuses (também denominado de Egéon pelos homens), Gies (ou Giges) e Coto - lutaram ao lado de Zeus e ajudaram os habitantes do monte Olimpo (olímpicos) a escorraçar os Titãs para o Hades, juntamente com os Cíclopes.
Uma outra versão indica também que os Hecatonquiros teriam participado neste combate mas que seriam habitantes humanos da cidade macedónica de Hecatonquíria.
Conta-se também que Briareu poderia ter pertencido também à fação contrária, a dos Titãs. Este hecatonquiro numas interpretações desposa Cimopoleia, filha de Poseidon, como agradecimento da sua lealdade na luta contra os Titãs; noutras permanece com os seus dois irmãos como guarda destes no Hades.
A nereide Tétis chamou Briareu para ajudar Zeus, quando Poseidon, Hera e Atena o tentaram amarrar.
Como referenciar: Hecatonquiros in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-12-08 06:21:08]. Disponível na Internet: