hexassílabo

Verso de seis sílabas métricas. É o verso português que se usa com mais regularidade, encontrando-se já, em alternância com o decassílabo, na poesia trovadoresca.
Desaparecido em 1350, vai ressurgir no Renascimento, alternando e combinando com o decassílabo. O seu uso generaliza-se no século XVII e passa a ser corrente no século XIX, quer como dodecassílabo quebrado quer em estâncias isométricas. Exemplo: "Na noite que passou O Cristo no calvário Um rouxinol cantou Sobre cruz, solitário"(História de Jesus, Gomes Leal)

Como referenciar: Porto Editora – hexassílabo na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-01-25 11:46:14]. Disponível em