Hilídeos

Família de animais da classe dos anfíbios, da ordem dos anuros, que é constituída por cerca de seiscentas espécies.
Os animais desta família são caracterizados pela ausência de cauda no estado adulto. Apresentam patas posteriores maiores que as anteriores o que lhes permite saltar. Muitas espécies têm cores vivas que podem servir de camuflagem ou como advertência aos predadores de que a pele produz substâncias tóxicas. Algumas espécies produzem os venenos mais letais da natureza. Os sentidos principais são o da visão e do ouvido. Os hilídeos como outros anuros só podem pôr os ovos na água doce. Os ovos originam larvas herbívoras com o corpo esférico. Contudo os adultos são carnívoros alimentando-se principalmente de insetos. São ativos principalmente à noite. São exemplo de hilídeos a rela-de-olhos-vermelhos (Agalychinus callidryas), a rela-verde (Hyla cinérea), a rela-europeia (Hyla arbórea), a rela-cinzenta (Hyla chrysorcelis), a rela-arbórea (Litoria caesulea), a rela-arbórea-de-focinho-vermelho (Ololygon rubra), etc.
São animais pequenos, cujo tamanho oscila entre os dois e meio centímetros e os catorze centímetros, com habitat principalmente terrestre. Põem ovos geralmente na primavera, mas há espécies que fazem duas posturas sendo a outra no outono. São geralmente saltadores e trepadores hábeis. Adaptados à vida arborícola, possuem na extremidade dos dedos expansões discoides o que lhes permite agarrarem-se melhor às árvores e arbustos.
Encontram-se distribuídos por zonas húmidas da Europa, norte de África, América, Ásia, Nova Guiné e Austrália.
Como referenciar: Hilídeos in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-06-04 02:54:13]. Disponível na Internet: