Igreja de Santa Maria do Castelo (Abrantes)

Fundada em 1215 por ordem de D. Afonso II, a primitiva Igreja de Stª. Maria do Castelo da cidade de Abrantes seria reconstruída no século XV (1433), a expensas do alcaide-mor de Abrantes, D. Diogo Fernandes de Almeida.
Desafetada ao culto, a igreja alberga o Museu D. Lopo de Almeida, fundado em 1931 e que conta com diversas coleções museológicas, destacando-se a escultura tumulária do gótico flamejante e do século XVI.
A igreja encontra-se num pequeno adro, ao qual se acede por uma escadaria. Defronte do templo está em campa rasa a sepultura do primeiro Marquês de Abrantes, D. Rodrigo Anes de Almeida Meneses, membro fundador da Real Academia Portuguesa de História. Singela e bem estruturada, a frontaria do templo é caiada e está rasgada por um rude portal do gótico inicial, estando os flancos da fachada marcados por cunhais em cantaria aparelhada. Por cima do portal nobre abre-se um óculo simples, terminando a empena em estrutura triangular e sobrepujada por uma pequena cruz. Num plano mais recuado, adossada à parede lateral direita, eleva-se a torre sineira quadrangular, com ventanas em arco ogival, coberta por uma cúpula semiesférica, com pequenos pináculos marcando a sua empena.
Composta por uma só nave, o corpo da igreja é coberto por teto em madeira. O seu interior constitui-se como um panteão funerário da família dos Almeidas. Na capela-mor veem-se os mais antigos túmulos, do flamejante gótico quatrocentista, com os restos mortais do refundador da igreja, D. Diogo Fernandes de Almeida e de D. Lopo de Almeida, primeiro Conde de Abrantes. Na capela-mor são ainda visíveis alguns azulejos quinhentistas mudejares e parte do retábulo inicial com o seu baldaquino, obra do século XVI, que conserva ainda uma tábua pintada alusiva à Adoração dos Reis Magos. Próximo do arco de triunfo observam-se vestígios de antigos frescos.
Na nave da igreja está o túmulo do segundo Conde de Abrantes, D. João de Almeida. Numa das paredes abrem-se dois elegantes arcossólios abrigando os túmulos de D. João e D. António de Almeida, obra dos finais do século XVI.
Como referenciar: Igreja de Santa Maria do Castelo (Abrantes) in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-08-21 02:28:48]. Disponível na Internet: