Igreja Matriz de Santa Cruz (Santa Cruz da Graciosa)

Austera e equilibrada, a Matriz de Santa Cruz da Graciosa é um templo fundado no século XVI e substancialmente alterado no século XVIII.
Antecedida por uma escadaria que dá acesso a um amplo terreiro, a frontaria da igreja estabelece um jogo de contrastes muito interessante entre as molduras e cunhais de cantaria em basalto negro e os panos caiados de branco. Esta disposição arquitetónica deixa ver um portal nobre no centro da fachada, com a sua empena ressaltada e repousando em pilastras compósitas sobre alto embasamento. A fachada é repartida por diversas pilastras de basalto, abrindo-se entre estas diversas janelas de sacada com molduras de linhas direitas. Sobre o portal da entrada um janelão duplo prolonga-se na empena triangular e recuada que repousa sobre uma arquitrave moldurada e reentrante. O flanco esquerdo é fechado por uma torre sineira terminada por alto coruchéu piramidal.
O interior apresenta o coro da igreja repartido em três naves, a central mais elevada, divididas por arcadas de volta perfeita que assentam sobre pilares cilíndricos capitelizados. Nas suas paredes abrem-se algumas capelas laterais com altares e retábulos de talha dourada barroca setecentista, nos quais se podem ver boas esculturas hagiográficas em madeira, com especial destaque para um expressivo Cristo atado à coluna. Em ambos os lados do arco triunfal, de volta perfeita, estão duas magníficas esculturas - Cristo Crucificado e uma imagem setecentista da Virgem.
O maior esplendor reside no espaço da capela-mor, lugar a que se acede por alguns degraus e que está demarcado do corpo da igreja por uma grade de madeira com balaústres torneados. Aqui está exposto o magnífico retábulo maneirista em talha dourada e que contém uma série de notáveis tábuas do primeiro quartel do século XVI alusivas à Cruz de Cristo, empreitada provavelmente saída do atelier de Cristóvão de Figueiredo. Deste políptico retabular, composto por seis tábuas, somente a central, alusiva ao Calvário, não se encontra no sítio, sendo o seu espaço ocupado por uma bela escultura de Cristo crucificado.
Como referenciar: Igreja Matriz de Santa Cruz (Santa Cruz da Graciosa) in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2018. [consult. 2018-12-16 23:52:48]. Disponível na Internet: