James Caviezel

Ator norte-americano, James Patrick Caviezel nasceu a 26 de setembro de 1968, em Mount Vernon, Washington, no seio de uma família católica numerosa e unida.
Estreou-se no cinema em 1991 com um pequeno papel no filme independente My Own Private Idaho (A Caminho de Idaho), de Gus Van Sant, uma adaptação de uma peça de William Shakespeare, onde contracenou com Keanu Reeves e River Phoenix. Seguiu-se uma pequena participação em Diggstown (O Golpe da Meia-Noite, 1992), protagonizado por James Woods. Dois anos depois, aceitou um papel secundário no western Wyatt Earp (1994), realizado por Lawrence Kasdan, que acabou por não ter grande aceitação da crítica. Caviezel continuou assim a interpretar pequenos papéis em filmes como a comédia familiar Ed (1996); The Rock (O Rochedo, 1996), um thriller de Michael Bay; e G.I. Jane (Até ao Limite, 1997), realizado por Ridley Scott.
Em 1998, teve a sua grande oportunidade ao interpretar o papel de soldado Witt em The Thin Red Line (A Barreira Invisível), um filme de guerra de Terrence Malick, fazendo parte de um elenco de luxo composto por Adrien Brody, Ben Chaplin, Sean Penn, George Clooney e Nick Nolte, entre outros. No ano seguinte, ganhou o reconhecimento do público e da crítica com outro papel de soldado em Ride with the Devil (Cavalgar com o Diabo), de Ang Lee. Em 2000, entrou no thriller sobrenatural Frequency (Frequência), ao lado de Dennis Quaid, e em Pay it Forward (Favores em Cadeia), de Mimi Leder. Protagonizou depois ao lado de Jennifer Lopez o drama romântico Angel Eyes (Olhos de Anjo, 2001); fez de Edmond Dantes na adaptação do livro de Alexandre Dumas The Count of Monte Cristo (O Conde de Monte Cristo, 2002); atuou no thriller High Crimes (Crime em Primeiro Grau, 2002) e em I Am David (2003), realizado por Paul Feig.
Em 2004, aceitou o grande desafio de encarnar o papel de Jesus Cristo no controverso drama histórico The Passion of the Christ (A Paixão de Cristo), realizado por Mel Gibson. O filme tornou-se um sucesso e Caviezel recebeu o respeito, a fama e o reconhecimento mundial.
Como referenciar: James Caviezel in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-10-30 19:57:03]. Disponível na Internet: