João da Nova

Natural da Galiza, este fidalgo nasceu em data incerta.
D. Manuel outorgou-lhe o cargo de alcaide de Lisboa, e em 1501 o mesmo monarca atribuiu-lhe o comando de uma frota composta por quatro naus, enviada à Índia. Um destes navios, de um mercador de Florença, seguia na sequência da sugestão feita pelo rei a mercadores para negociarem com aquelas terras.
Nesta viagem foi descoberta a ilha de Ascensão (nome mais tarde dado por Afonso de Albuquerque) que João da Nova denominou Conceição. Ao voltar a Portugal descobriu igualmente a ilha de Santa Helena. Este fidalgo arrasou a frota do samorim de Calecute que pretendia barrar a sua passagem e fundou na Índia uma feitoria nova, em Cananor.
Voltou ao reino, e em 1505 empreendeu nova viagem rumo à Índia, na companhia de D. Francisco de Almeida. Voltou no entanto a Portugal passado pouco tempo, uma vez que o vice-rei não lhe reconheceu o posto de capitão-mor.
Em 1506 capitaneou o navio Flor de la Mar, pertencente a uma esquadra comandada por Tristão da Cunha que rumava a Socotorá. Nesta viagem, Afonso de Albuquerque, que comandava cinco dos navios da esquadra, teve de prender João da Nova, uma vez que este pretendia rumar à Índia, contrariamente aos desejos de Albuquerque, que queria ir à Arábia para recolher mantimentos que lhe permitissem tomar Ormuz.
Foi, no entanto, perdoado, devido à valentia demonstrada no ataque a Orcafate.
Uma vez em Ormuz, Afonso de Albuquerque não tomou iniciativa de perseguir as naus de Meca, o que contrariou os capitães e provocou a sua revolta, sendo o principal sublevado João da Nova. Albuquerque resolveu a situação, iniciando-se contudo a deserção, sendo porém João da Nova o último a fazê-lo. Quando chegou à Índia queixou-se ao vice-rei, o que provocou a prisão de Albuquerque.
Em 1509 acaba por morrer, em Cochim, valendo-lhe os méritos e coragem, apesar da fogosidade excessiva, reconhecimento inquestionável.
Como referenciar: João da Nova in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-12-08 08:38:05]. Disponível na Internet: