João Sebastião de Elcano

Navegador espanhol notabilizado durante a primeira metade do século XVI, nasceu em Guetaria, em data incerta, vindo a morrer numa viagem à Índia em 1526. Sebastião de Elcano participa como lugar-tenente e comandante de um dos navios da célebre expedição de Fernão de Magalhães. O objetivo desta expedição, iniciada em 1519 e financiada pelo imperador Carlos V, era descobrir uma passagem no Sul da América em direção às Molucas e, ao mesmo tempo, provar que era possível a circum-navegação da Terra. Tratava-se de uma empresa extremamente complicada, quer pelos desafios técnicos que apresentava, quer pela hostilidade revelada por algumas das tribos em lugares onde houve necessidade de aportar; Magalhães será morto num dos combates travados nas Filipinas. Outros companheiros cairão. Das quatro embarcações que largaram de Espanha apenas o navio Vitória, comandado por De Elcano, regressará. A este navegador coube a glória de comandar a última grande etapa da viagem, em 1522. Foi, assim, o primeiro navegador europeu a dar a volta ao Mundo. Carlos V evocará esse feito no brasão de armas que lhe concede em graça: um globo com a divisa Primus circumdedisti me. Durante muito tempo, os espanhóis conservaram em Sevilha o navio Vitória.
Como referenciar: João Sebastião de Elcano in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-08-12 10:21:46]. Disponível na Internet: