Laurance Rockefeller

Financeiro e filantropo norte-americano, Laurance Spelman Rockefeller nasceu a 26 de maio de 1910, em Nova Iorque, e faleceu a 11 de julho de 2004. Laurance era neto do milionário do petróleo John Rockefeller.
Estudou em Princeton e na Faculdade de Direito da Universidade de Harvard, mas aos 24 anos chegou à conclusão que não queria ser advogado. Nessa época, em 1934, casou com Mary French, também ela proveniente de uma família de milionários, pois era neta do presidente de uma grande companhia ferroviária. Três anos mais tarde, herdou o lugar do avô no mercado financeiro nova-iorquino.
Durante a Segunda Guerra Mundial, serviu na Marinha norte-americana e, após a guerra, paralelamente à manutenção dos negócios de família, Laurance Rockefeller começou a ser conhecido pela sua preocupação com a preservação da vida selvagem. Nesse sentido, foi o responsável pela expansão do Parque Nacional Grand Teton, tendo ainda promovido o crescimento de outros parques nacionais norte-americanos na Califórnia, Hawai, Maine, Vermont, Wyoming e Ilhas Virgens. Em 1958, fundou a Associação Americana de Conservação.
Outra das suas preocupações foi o cancro, tendo patrocinado diversos estudos para tentar descobrir curas para a doença.
Laurance Rockefeller mostrou-se também muito interessado em assuntos espirituais, assim como na vida extraterrestre e nos misteriosos círculos nas searas. Nesse sentido, financiou diversos estudos de especialistas nestas áreas. Em finais dos anos 90, apoiou um estudo sobre círculos nas searas que revelou que na sua origem estava uma fonte de energia desconhecida.
Laurance, no entanto, nunca descurou os seus negócios, nomeadamente na área da hotelaria, tendo inaugurado unidades de luxo em Porto Rico, Ilhas Virgens e Hawaii.
Foi também um dos investidores iniciais da companhia de aviação norte-americana Easter Airlines, assim como das empresas de informática Apple e Intel.
No ano em que morreu, Rockefeller tinha ficado classificado no 377.º lugar da lista de milionários da revista Forbes.
O seu contributo para a melhoria do estado da vida selvagem e do ser humano foi diversas vezes celebrado, tendo recebido distinções da National Geographic Society, a Medalha de Honra do Parque Nacional Theodore Roosevelt, a Medalha Presidencial da Liberdade e a Medalha de Ouro do Congresso.
Como referenciar: Porto Editora – Laurance Rockefeller na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2021-12-05 03:01:26]. Disponível em