Lewis Wallace

Militar, escritor e governador norte-americano nascido a 10 de abril de 1827, em Brookville, no estado de Indiana, e falecido a 15 de fevereiro de 1905, em Crawfordsville, no mesmo estado.
Frequentou o Colégio Wabash, em Crawfordsville, mas interrompeu os estudos para participar, na guerra mexicana, como primeiro-tenente do 1.º Regimento de Infantaria do Indiana. Em 1849, passou a exercer funções judiciais no tribunal e, em 1856, foi eleito para o Estado do Senado de Crawfordsville.
Na Guerra Civil dos EUA, lutou contra o exército da União e alcançou o posto de general, em março de 1862. Terminada a guerra, presidiu a vários tribunais militares e fez parte da comissão que julgou os acusados da conspiração para matar Abraham Lincoln. Foi também consultor militar do presidente mexicano Juarez. Entre 1878 e 1881, foi governador do Novo México e, entre 1881 e 1885, embaixador na Turquia.
Lewis Wallace publicou algumas obras, como El Dios Bondadoso (1873), Ben-Hur (1880) e El Príncipe de la Índia (1893). O seu livro Ben-Hur obteve sucesso mundial, tendo sido adaptado para teatro e cinema, em 1925, por Fred Niblo, e objeto de realização cinematográfica por William Wyler, em 1959.
Como referenciar: Lewis Wallace in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-10-19 17:05:15]. Disponível na Internet: