Luís A. de Oliveira Ramos

Luís António de Oliveira Ramos nasceu a 27 de maio de 1939 na freguesia de S. Victor, em Braga. Professor Catedrático de História na Universidade do Porto desde 1979, licenciou-se em Ciências Histórico-Filosóficas na Universidade de Lisboa, é Doutor em História Moderna e Contemporânea pela Universidade do Porto e Doutor Honoris Causa pela Universidade de Bordéus III - Michel de Montaigne.
Entre 1982 e 1985 foi Reitor da Universidade do Porto e Vogal da Direção da CRE - Conselho de Reitores Europeus, de 1984 a 1989. Presidiu ao Conselho Científico de Ciências Humanas do Instituto Nacional de Investigação Científica, de 1984 a 1992. De 1993 a 1995 foi Presidente de Conselho de Reitores das Universidades Portuguesas.
Para além destes cargos, desempenha, desde 1980, o lugar de Diretor do Centro de Estudos Norte de Portugal - Aquitânia (dependente da Universidade do Porto e da Universidade de Bordéus III). Em 1987 exerceu a função de Diretor de Estudos associado da École Pratique des Hautes Études en Sciences Sociales, da Sorbonne. A partir de fevereiro de 1999, ocupa o lugar de Presidente do Conselho Científico da Comissão Nacional dos Descobrimentos, de que é vogal desde 1986. Homem de elevado mérito, recebeu as Grã-Cruzes das Ordens de Instrução Pública e do Infante D. Henrique, a Ordem das Palmes Académiques da França e a Medalha de Ouro da Cidade de Braga.
Escreveu vários livros, participou como colaborador em algumas obras e redigiu múltiplos artigos e ensaios.
Exemplos de publicações da sua autoria ou com a sua colaboração: Da Ilustração ao Liberalismo (1979); O Porto na Génese do Liberalismo (1979); Le Portugal et la Révolution Française (1989); História do Porto - Introdução, Conclusão e Direção (1994); e História da Universidade em Portugal, I, tom.2, cap. I (1997).
Como referenciar: Luís A. de Oliveira Ramos in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-09-18 13:14:20]. Disponível na Internet: