Magnum

A agência cooperativa Magnum foi fundada em 1947 por Henri Cartier-Bresson, Robert Capa, Maria Eisner, David "Chim" Seymour, George Rodger, William Vandivert e Rita Vandivert. Motivados pela sensação de alívio causada pelo fim da Segunda Guerra Mundial, fundaram esta cooperativa dois anos após o final da guerra, tirando partido daquilo que melhor os definia enquanto profissionais: a mistura do repórter com o artista.
Decidiram chamar-lhe Magnum Photos Inc. Começou por estabelecer-se em Paris e Nova Iorque, passando mais tarde também para Londres e Tóquio.
Por princípio, os fotógrafos trabalham sob as instruções de editores, mas a ideia por detrás da Magnum é que os seus membros tinham autonomia para trabalhar no tipo de eventos que entendiam. Cabia à agência distribuí-los, estando os direitos de autor reservados para o seu verdadeiro autor e não para as revistas que as publicavam. Um fotógrafo poderia decidir fotografar qualquer assunto, publicar, por exemplo, as fotografias na Life e depois a agência poderia vendê-las a revistas de outros países. Os seus fotógrafos publicaram trabalhos nos mais importantes jornais e revistas, podendo ser destacado, de todos estes anos, o trabalho dos seus fundadores durante as várias guerras. Atualmente, a Magnum continua a produzir o que de melhor se faz a nível do documentário fotográfico. Nos seus arquivos, mantém mais de um milhão de fotografias a preto e branco e a cores, que datam desde os anos 30, e que se destinam a ser utilizadas pelos seus clientes, bem como a serem expostas em mostras fotográficas.
A Magnum é uma cooperativa cuja propriedade e direção pertence aos seus fotógrafos-membros, que se encontram uma vez por ano, em Nova Iorque, Paris ou Londres, para discutir vários assuntos, entre os quais a seleção de novos membros. Os escolhidos são convidados a tornarem-se "membros nomeados", uma categoria de parceria que permite o conhecimento de ambas as partes sem qualquer compromisso. Passados dois anos, se for aceite, o fotógrafo fica obrigado a cumprir todos os regulamentos da agência e fica também com acesso às regalias para os membros da agência.
A Magnum continua atualmente a ser uma grande defensora dos direitos de autor dos seus trabalhos, chegando mesmo a proibir que os seus clientes (jornais, revistas e outras publicações) cortem, copiem ou reproduzam as imagens sem a devida autorização para o efeito.
Como referenciar: Magnum in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-04-23 00:56:42]. Disponível na Internet: