Majoriano I

Imperador romano do Ocidente (?-461), reinou entre 457 e 461. Governou no período da Capitulação de Roma, tendo conseguido legislar em abundância e empreendido laivos de reforma, mas não resistiu aos ataques dos Vândalos e às intrigas internas.
Proclamado imperador a 1 de abril de 457, Valério Majoriano, apoiado por Recimero, que o ajudou a livrar-se do seu antecessor Avito, tentou reformar e reorganizar a administração do Império, emanando uma copiosa legislação e procurando conciliar a nobreza entre os seus membros, onde pontificavam os apoiantes de Avito. Mas a sua posição enfraqueceu com a captura da sua frota na Hispânia pelos Vândalos antes que tivesse tido tempo de a alinhar contra eles. Foi, devido a esse fracasso, preso e justiciado no Norte de Itália, a 2 de agosto de 461, precisamente por aquele que o apoiou na ascensão ao sólio imperial: Recimero.
Como referenciar: Majoriano I in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-08-12 10:12:49]. Disponível na Internet: