Marat Safin

Tenista profissional russo nascido a 27 de janeiro de 1980, em Moscovo, na Rússia. Desde criança, esteve ligado ao ténis porque a sua mãe Rausa, uma jogadora de topo na Rússia, costumava levá-lo a assistir aos treinos no clube local Spartak, que era dirigido pelo pai de Marat. Foi neste clube que Marat começou a dar os primeiros passos na modalidade, quando tinha apenas cinco anos. Nessa altura, costumava jogar com uma outra criança que viria a ganhar notoriedade, a tenista Anna Kournikova.
Constatando que o filho tinha potencialidades para o ténis que não poderia desenvolver na Rússia por falta de condições, os pais de Marat, quando este tinha 13 anos, decidiram levá-lo para o estrangeiro.
Assim, na companhia da mãe visitou uma Academia de Ténis em Valência, na Espanha, onde Maria Pasqual, uma especialista na modalidade, reconheceu a Marat Safin qualidades para se impor no mundo do ténis. Para que fosse possível ao jovem tenista mudar-se para Espanha, a responsável da academia convenceu um cliente suíço a patrocinar o russo. Marat Safin passou quatro anos na academia, tendo Maria Pasqual como conselheira, enquanto vivia com um antigo tenista. Paralelamente aos treinos, o russo dedicou-se também aos estudos, nomeadamente de língua castelhana.
Em 1997, devido a questões relacionadas com patrocínios, o jovem tenista teve de regressar a Moscovo. Mas, depois de ter aprendido a gostar de Espanha, Marat Safin só pensava em Valência e convenceu os seus novos patrocinadores a financiar o regresso. Instalou-se de novo em Espanha e contratou um treinador local, Rafael Mensua, para o ajudar a singrar na modalidade. Nesse mesmo ano, conquistou o seu primeiro título, ao vencer um torneio na cidade de Espinho, em Portugal. Pouco depois, passou a profissional e foi em novembro de 1997 que se estreou no circuito ATP (Associação Profissional de Ténis) ao participar na Kremlin Cup, precisamente em Moscovo, a sua cidade natal. No entanto, não passou da primeira ronda pois foi eliminado pelo dinamarquês Kenneth Carlsen.
Marat Safin esperou até agosto de 1999 para vencer o seu primeiro torneio ATP, o que aconteceu nos Campeonatos de Boston, nos Estados Unidos da América. Na final do torneio derrotou Greg Rusedski.
A sua carreira entrou em crescendo e Marat Safin começou a conquistar resultados positivos nas principais provas mundiais. A primeira grande vitória aconteceu no ano 2000, no Open dos Estados Unidos (um dos quatro principais do calendário), prova onde marcou presença nas meias-finais no ano seguinte.
Entretanto, a 20 de novembro de 2000, tinha chegado pela primeira vez ao topo do ranking ATP, passando a ser presença constante nos lugares cimeiros desta tabela.
Como referenciar: Marat Safin in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-02-20 02:15:19]. Disponível na Internet: