Marcelo D2

Cantor brasileiro, Marcelo Maldonado Gomes Peixoto nasceu no dia 5 de novembro de 1967, no Rio de Janeiro, Brasil. Com vários empregos incertos e uma adolescência marcada pelas lutas de gangues rivais de favela e o consumo de drogas, Marcelo formaria, com Skunk os Planet Hemp. A eles se juntariam Rafael (guitarra), Formigão (baixo) e Bacalhau (bateria). O começo oficial da banda seria em 1994, já depois do falecimento de Skunk. A escalada mediática dos Planet Hemp torná-los-ia, com apenas três discos, num dos fenómenos comerciais mais bem-sucedidos do Brasil. Ainda em 1998, depois do primeiro disco dos Planet Hemp, Marcelo já havia lançado o primeiro álbum em nome próprio, vendendo mais de 150 mil cópias. O sucessor apareceria apenas em 2003, depois do fim dos Planet Hemp. Em 2004, seria agraciado com o prémio de melhor letrista pela Academia Brasileira de Letras. O sucesso do álbum À Procura da Batida Perfeita, editado em 2003, no exterior, suscitaria inúmeras atuações fora do Brasil, consagrando o músico como um dos protagonistas mais importantes da nova música brasileira. No ano seguinte, Marcelo traria para o palco uma orquestra de 23 elementos para desconstruir as suas principais composições, registando um acústico para a coleção da MTV. Seguiu-se uma revisão do samba, no trabalho mais elaborado da sua carreira, contando com o apoio de nomes consagrados como Zeca Pagodinho, Alcione, Arlindo Cruz e Charli Tuna para as gravações de Meu Samba é Assim. A digressão de promoção do disco, de mais de dois meses na Europa e passando por Montreux, Roskilde ou Womex , seria a maior de um artista brasileiro fora do seu país.

Discografia
1998, Eu Tiro é Onda 2003, À Procura da Batida Perfeita
2004, Acústico MTV
2006, Meu Samba é Assim

Como referenciar: Marcelo D2 in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-11-15 03:25:41]. Disponível na Internet: