Mário Vilela

Linguista português e professor jubilado da Faculdade de Letras da Universidade do Porto, Mário Augusto do Quinteiro Vilela nasceu a 2 de janeiro de 1934, em Vilarinho da Samardã (Vila Real).
Licenciou-se em Filologia Românica, em 1969, pela Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra e completou o doutoramento na Universidade de Tübingen, na Alemanha, em 1978, em que obteve a máxima classificação com a dissertação "Lexikalische Semantik - Wortfeltheorie. Theorie und Anwendung auf dem Portuguiesischen".
Sendo docente na Faculdade de Letras da Universidade do Porto desde 1970, Mário Vilela foi, em muitos momentos, convidado a lecionar em vários cursos de licenciatura, mestrado e doutoramento desenvolvidos em universidades portuguesas (Universidades de Lisboa, de Évora, de Trás-os-Montes e Alto Douro, dos Açores, da Madeira, Universidade Católica) e estrangeiras (na Alemanha, em Espanha, no Brasil, em Moçambique e em Macau).
A sua vasta e preciosa obra bibliográfica atesta um perfil científico muito polifacetado, versando áreas como a linguística românica, a linguística portuguesa, a lexicologia e a lexicografia, as terminologias, a linguística geral e, mais recentemente, a linguística cognitiva. Mas foi sobretudo na aplicação do modelo da Gramática de Valências à língua portuguesa que o nome de Mário Vilela se tornou verdadeiramente incontornável e fundamental enquanto alternativa teórica à gramática generativa. São, assim, de destacar os seguintes títulos, além das dezenas de artigos em revistas e congressos nacionais e internacionais: Gramática de Valências: Teoria e Aplicação ao Português, 1980, Coimbra: Almedina; Dicionário Básico do Português, 1983, Porto: Asa; Estudos de Lexicologia do Português, 1990, Coimbra: Almedina; Tradução e Análise Contrastiva: Teoria e Aplicação, 1994, Coimbra: Almedina; Gramática da Língua Portuguesa, 1999, Coimbra: Almedina; Metáforas do nosso tempo, 2002, Coimbra: Almedina.
Como referenciar: Mário Vilela in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-07-16 00:55:16]. Disponível na Internet: