Max Biaggi

Piloto de motos de pista italiano, Max Biaggi nasceu a 26 de junho de 1971, em Roma. Com 17 anos começou a mostrar-se interessado nos desportos motorizados de duas rodas, depois de na infância e juventude sempre ter dado preferência ao futebol.
Em 1988, um amigo convidou-o a dar umas voltas de moto na pista de Vallelunga, em Roma, e a partir dessa experiência Biaggi resolveu apostar nas corridas em duas rodas. Logo no ano seguinte, disputou o campeonato italiano de produção com o pai a fazer de mecânico. Depois de uma temporada de adaptação, venceu em 1990 este campeonato, tendo triunfado em seis das sete corridas. Foi então convidado, nesse mesmo ano, para participar numa prova do campeonato italiano de 125cc e o bom resultado alcançado levou a marca italiana Aprilia a contratá-lo para na temporada seguinte participar no Campeonato da Europa de 250cc. No ano de estreia, sagrou-se campeão europeu.
A Aprilia resolveu inscrevê-lo no Mundial de 250cc de 1992 e Biaggi fez um bom campeonato, ganhando a última prova da temporada numa corrida disputada na África do Sul. No ano seguinte, o piloto italiano trocou a Aprilia pela Honda, mas sem grandes resultados, regressando à equipa italiana em 1994. Biaggi ganhou logo as duas primeiras corridas da época, seguindo-se mais algumas vitórias que o levariam a conquistar o título mundial pela primeira vez. Nas duas épocas seguintes, dominou por completo o escalão de 250cc com a sua Aprilia e somou mais dois títulos mundiais, mas foi obrigado a trocar a marca italiana pela Honda no final de 1996. Apesar de ter começado a treinar mais tarde que a concorrência em 1997, conseguiu vencer de novo o título mundial de 250cc, feito alcançado pela quarta vez consecutiva. Foi o primeiro piloto de sempre a vencer por quatro vezes seguidas o campeonato do Mundo de 250cc.
Aos 26 anos, resolveu passar a correr em motos de 500cc, o escalão máximo do motociclismo de pista mundial, e logo na estreia, em abril de 1998, venceu ao serviço da Honda o Grande Prémio do Japão, depois de ter feito o melhor tempo dos treinos. Já há 25 anos que nenhum piloto conseguia triunfar na prova de estreia. No fim da temporada, ficou em segundo e afirmou-se como um dos melhores pilotos do mundo.
Como referenciar: Max Biaggi in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-06-18 14:49:28]. Disponível na Internet: