Máxima

A Máxima, revista mensal portuguesa dedicada essencialmente ao público feminino, foi lançada a 22 de setembro de 1988. O primeiro número, com uma tiragem superior a 45 mil exemplares, esgotou, tendo feito uma boa entrada no mercado, tendo adotado, na campanha publicitária que antecedeu o seu lançamento, o slogan "A revista da mulher portuguesa". Para os autores do projeto tratava-se de um novo conceito de jornalismo e de elaboração de uma revista feminina.
Pela primeira vez, uma revista deste género foi pensada de raiz em Portugal sem interferência estrangeira a nível editorial e de investimento, ao contrário do que se passou com a Marie Claire e a Elle. De qualquer forma, a Máxima inspirou-se na revista francesa Madame Fígaro, com quem, aliás, garantiu uma série de exclusivos, essencialmente ao nível de imagem. Trata-se, nesta matéria, de fotografias de moda, beleza, cozinha e decoração. A publicação sempre se tentou notabilizar pela diferença e o número de março de 1991 permitiu-lhe ser a única revista feminina portuguesa a fazer da Guerra do Golfo o seu tema de capa, chamando a atenção para a grande reportagem dessa edição. A partir dessa data a Máxima começou a apostar em dar um tratamento mais profundo a temas poucos habituais entre as revistas femininas. Assim, abordou a reforma educativa, o assédio sexual no trabalho, o abuso sexual de crianças, a violação, as seitas religiosas, entre outros. O tema Violação, Crime e Castigo veio mais tarde a ser galardoado com o Prémio Fernando Pessoa de Jornalismo.
Entre os grandes temas tratados pela Máxima, notava-se uma preocupação em optar por assuntos que de qualquer forma estivessem ligados à mulher. Foi o caso da reportagem sobre o fundamentalismo religioso que afetava a população feminina e o balanço da situação da mulher na sociedade chinesa.
Paralelamente à edição da revista, a Máxima dedicou-se a outras atividades como a atribuição dos prémios de Beleza e Perfumes, uma iniciativa que lançou em 1990. O prémio destina-se a distinguir produtos de cosmética e perfumes em várias categorias.
Como referenciar: Máxima in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-06-18 06:44:58]. Disponível na Internet: