Melvyn Douglas

Ator norte-americano, Melvyn Edouard Hesselberg nasceu a 5 de abril de 1901, em Macon, Georgia, e faleceu a 4 de agosto de 1981, em Nova Iorque. Estreou-se no teatro em 1919 e, dez anos depois, fez a sua primeira aparição na Broadway na peça A Free Soul, tornando-se nos anos seguintes uma estrela dos palcos.
No cinema, estreou-se em 1931 em Tonight or Never, a que se seguiram aparições em Ninotchka (1939), de Ernst Lubitsch, ou Mr. Blandings Builds His Dream House (1948), de H.C. Potter, entre outros. Nos anos 50, regressou em força à Broadway, mas o final de carreira foi marcado por grande reconhecimento no âmbito do cinema. Em 1963, recebeu o Óscar de Melhor Ator Secundário pelo seu papel em Hud (O Mais Selvagem Entre Mil), de Martin Ritt, repetindo o prémio em 1979 por Being There (Bem-vindo Mr. Chance), de Hal Ashby. Pelo meio, recebeu ainda uma nomeação para o Óscar de Melhor Ator pela sua interpretação em I Never Sang for My Father (1970), de Gilbert Cates.
Como referenciar: Melvyn Douglas in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-05-22 22:16:27]. Disponível na Internet: