Miguel de Arruda

Engenheiro e arquiteto português, desconhece-se a data do seu nascimento, mas faleceu em 1563. Filho e sucessor de Francisco de Arruda, a sua formação foi prática. Colaborou com Nicolau Chanterene no Convento de Nossa Senhora da Graça, em Évora, e executou os projetos das sés de Miranda do Douro, Leiria e Portalegre. Como arquiteto militar, elaborou obras em Ceuta, Tânger, Moçambique e Baía. A cisterna do Forte de S. Julião da Barra é também de sua autoria.
Como referenciar: Miguel de Arruda in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2021. [consult. 2021-04-22 14:41:25]. Disponível na Internet: