MMS

O Multimedia Messaging Service (MMS) é, como o próprio nome sugere, a capacidade de enviar e receber mensagens multimédia. Assim, este serviço permite aos utilizadores de terminais equipados com MMS o envio de uma combinação de imagem, texto, áudio e vídeo numa única mensagem, que pode ser totalmente personalizada. O MMS é o novo padrão estabelecido pelo 3GPP (Third Generation Partnership Project), que reúne todas as entidades mundiais participantes no desenvolvimento da 3.a geração móvel e assume-se como uma forma inteiramente nova de comunicar.
Apesar do MMS ser um padrão do 3GPP, os seus serviços podem ser disponibilizados em qualquer interface aéreo baseado no protocolo IP (Internet Protocol), tal como nas redes GPRS (General Packet Radio Services) e EDGE (Enhanced Data rates for Global Evolution). Com o MMS, o utilizador vai poder enviar mensagens muito completas, não só de texto mas com cor, som, animação, imagens em tempo real, etc. O serviço suporta formatos como o GIF, o JPEG, o MPEG4, o MP3 e o WAV. Apesar do Multimedia Messaging Service estar destinado a reinar nos equipamentos de 3G e na rede UMTS, a sua utilização é possível tecnicamente utilizando a tecnologia GPRS com velocidades que rondam os 42 kbps.
Tecnicamente, o MMS exigirá às operadoras móveis modificações substanciais. Enquanto o SMS necessitava apenas de um centro de mensagens que procedia ao armazenamento e envio das mensagens escritas, o MMS necessita de várias plataformas de suporte, além das já existentes. As novas plataformas são o MMS Relay, o MMS Message Store e o MMS User Database e incluem-se no MMSE (Multimedia Messaging Service Environment). O conceito de perfil de utilizador é uma novidade dos padrões MMS. Um perfil de utilizador é gravado no operador da rede móvel, sendo definido e gerido pelo próprio utilizador através da Internet. Entre outras funcionalidades, este perfil determinará que mensagens podem ser descarregadas de imediato e quais as que ficam no servidor para uma recolha mais tardia, se o utilizador receberá notificações sobre mensagens enviadas/recebidas ou sobre o tipo destas. Este perfil pode também ser útil para criar filtros que, entre outras coisas, poderão impedir a receção de mensagens não solicitadas ou indesejáveis.
Concluindo, o MMS incorpora as melhores funcionalidades do SMS melhorando-as e para além disso introduz novas possibilidades. O SMS e o MMS são muito diferentes no que respeita à forma como estão estruturados, sendo o último bastante mais complexo. As aplicações usadas bem como os dispositivos inerentes a cada um dos serviços são também muito diferentes, todavia o MMS mantém a compatibilidade com o SMS. Finalmente, a interação do utilizador final com o MMS é também distinta, sendo mais atrativa.
Como referenciar: MMS in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-07-16 21:16:39]. Disponível na Internet: