Modelo e Detetive

Série televisiva de comédia policial norte-americana, Moonlighting foi criada por Glenn Gordon Caron para a ABC e produzida por Jay Daniel. Com 67 episódios de uma hora cada, esteve em exibição nos Estados Unidos de março de 1985 a maio de 1989.
Maddie Hayes (Cybill Shepherd) é uma modelo em final de carreira burlada pelo seu contabilista, que fugiu com todo o seu dinheiro para a América do Sul, só lhe deixando a casa e uma agência de detetives falida. David Addison (Bruce Willis) é o detetive mulherengo que dirige a agência "Blue Moon" e que tenta desesperadamente convencer Maddie a não a fechar. Sem alternativa, Maddie vê-se forçada a aceitar as novas regras e a encarar a sua nova profissão de detetive numa agência em que resolvem casos de infidelidade, de pessoas desaparecidas, entre outros.
A série tinha algumas características inovadoras, incluindo uma técnica chamada de quebrar o quarto muro, que se referia ao muro existente entre o programa de televisão e o público. Consistia nos diálogos em muitos episódios com referências diretas aos argumentistas, ao público, à televisão e à própria série. Modelo e Detetive foi a primeira série a fazer referências pessoais ao próprio programa em diálogos. A série vivia muito das personalidades opostas das duas personagens principais, que passam a vida em conflitos e em discussões, falando frequentemente ao mesmo tempo e tendo uma relação atribulada, apesar do clima de atração mútua que existe em simultâneo. Assente em diálogos inteligentes e repletos de humor, alguns momentos de ação e a tensão sexual existente entre Maddie e David, a série fez furor em diversos países.
Outras personagens importantes são Herbert Quentin Viola (Curtis Armstrong), um empregado da agência com ambição de ser detetive e com admiração por David; Agnes DiPesto (Allyce Beasley), a rececionista ingénua que atende o telefone em rimas e vive apaixonada por Herbert, e MacGillicudy (Jack Blessing), outro empregado da agência, rival de Herbert.
A série entrou um pouco em decadência e teve uma diminuição de audiência em 1987, após o episódio em que Maddie e David consumam a sua atração.
Bruce Willis e Cybill Shepherd conquistaram uma enorme notoriedade através da série, que obteve diversas nomeações ao longo dos anos e ganhou alguns prémios, incluindo os Globos de Ouro para os dois protagonistas em 1987. Bruce Willis também conquistou o seu primeiro Emmy nesse ano, e graças à interpretação de David Addison tornou-se conhecido internacionalmente.
A música do tema principal da série, que se tornou um hit, era interpretada pelo cantor de jazz Al Jarreau.
Como referenciar: Modelo e Detetive in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-08-24 07:47:26]. Disponível na Internet: