Muriel Spark

Escritora escocesa, de ascendência judaica, nascida em 1918, residiu alguns anos em África, espaço que encontra consequência em alguns dos seus contos, tais como The Go-Away Bird e The Seraph and the Zambesi.
Após o regresso a Inglaterra, dedicou-se à escrita de romances, dos quais se destacam: The Conforters, Memento Mori, estudo cómico e macabro do processo de envelhecimento e The Prime of Miss Jean Brodie; The Abbess of Crewe e The Take Over são outras das obras a merecerem destaque especial por serem breves, excêntricas e sofisticadas, denotando elementos bizarros e perversos. Outra das características que tipifica a escrita desta autora é o uso do narrador omnisciente.
Como referenciar: Muriel Spark in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-10-23 21:25:46]. Disponível na Internet: