Natalie Cole

De nome completo Stephanie Natalie Maria Cole, nasceu a 6 de fevereiro de 1950.
Iniciou a sua carreira em 1975 da melhor maneira, com Inseparable, álbum que originou a conquista de dois prémios grammy e incluiu os êxitos "This Will Be", "Joey", para além do tema-título. Na segunda metade da década gravou os álbuns Natalie (1976), Unpredictable (1977), Thankful (1977), e I Love You So (1979), que produziram vários temas de sucesso, entre os quais "Sophisticated Lady", "Good Morning Heartache", "I've Got Love On My Mind", "Our Love", e "Lovers".
O início da década de 80 marcou o declínio da sua carreira, em parte motivado pelo envolvimento nas drogas. Após submeter-se a um programa de reabilitação, Natalie Cole regressou em 1984, mas sem o fulgor anterior. Só em 1987, com a edição de Everlasting (1987), voltou aos êxitos, com temas como "I Live For Your Love", "Jump Start", "Pink Cadillac" (1988), uma versão do tema de Bruce Springsteen, e o êxito de seu pai "When I Fall In Love". Este trabalho proporcionou-lhe uma nomeação para Grammy. Seguiu-se Good To Be Back (1989), álbum que confirmou um segundo fôlego na sua carreira, ao incluir os sucesos "Miss You Like Crazy", "Wild Women Do" e "I Do", em dueto com Freddie Jackson. O ano de 1991 marcou a edição do álbum mais aclamado da sua vasta discografia: Unforgettable, With Love, um álbum multi-platina que lhe proporcionou sete prémios Grammy. Tratou-se de uma compilação dos maiores êxitos de seu pai.
A década de 90 incluiu ainda os álbuns Take A Look (1993), Holly And Ivy (1994), Stardust (1996), Snowfall On The Sahara (1999), e The Magic Of Christmas (1999), gravado com a Orquestra Sinfónica de Londres.
Durante a sua carreira gravou alguns duetos de destaque: com Peabo Bryson, o álbum We're The Best Friends (1979); com Ray Parker Jr., em "Over You" (1987); e com Frank Sinatra, em "They Can't Take That Away From Me".
Em meados dos anos 90, trabalhou como atriz em várias séries televisivas e telefilmes.
É conhecido o seu envolvimento em várias organizações humanitárias.
Em 2002, Natalie Cole editou Ask A Woman Who Knows, o primeiro disco em três anos e a primeira gravação pela Verve. A seleção musical para este registo abarca temas clássicos de Dinah Washington e de Nat King Cole, entre outros. O disco recolheu excelentes críticas, relançando a carreira de Natalie Cole e elevando-a a um nível semelhante ao que tinha conseguido com Unforgettable: With Love.
Como referenciar: Natalie Cole in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-11-22 12:24:18]. Disponível na Internet: