nervos

Os nervos são órgãos cordiformes que fazem parte do sistema nervoso periférico. Cada nervo é constituído por um feixe de fibras paralelas (umas mielinizadas e outras não), envolvido por sucessivas camadas de tecido conjuntivo.
Cada fibra nervosa é envolvida por uma membrana muito fina de tecido conjuntivo chamada endoneuro que também inclui feixes de fibras mielinizadas ou feixes de neurilema. Grupos de fibras são rodeados por um tecido conjuntivo, o perineuro, para formar feixes de fibras denominadas fascículos. Finalmente, todos os fascículos são envolvidos por uma bainha, o epíneuro, para formar o nervo. A parte nervosa é uma pequena fração do volume do nervo. A totalidade do volume do nervo inclui a mielina e o tecido conjuntivo protetor. Na constituição da formação nervosa são também encontrados vasos sanguíneos e linfáticos. Os nervos apresentam tamanho variável e são classificados de acordo com a direção em que transmitem os impulsos.
Nervos constituídos por fibras sensitivas e motoras e que transmitem os impulsos do e para o sistema nervoso central são denominados nervos mistos; nervos que transportam os impulsos na direção do sistema nervoso central para a periferia denominam-se nervos sensitivos ou aferentes e nervos que transportam impulsos somente do sistema nervoso central para a periferia denominam-se nervos eferentes ou motores. A maior parte dos nervos são mistos. Nervos puramente motores ou sensitivos são extremamente raros.
Podem ainda ser classificados em função da sua ligação ao sistema nervoso somático e ao sistema nervoso autónomo. Assim podem ser aferentes somáticos, eferentes somáticos, aferentes viscerais e eferentes viscerais.
Como referenciar: nervos in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-01-17 13:43:59]. Disponível na Internet: