Nikolai Rimski-Korsakov

Compositor, professor e editor russo, conhecido pela defesa da música nacional russa. Nasceu em 1844, em Tikhvin, perto de Novgorod, na Rússia, e morreu em 1908, em Lyubensk, também na Rússia.
Começou a estudar piano e composição com Théodore Canillé e, algum tempo depois, conheceu Mili Balakirev, dotado de uma enorme cultura musical. No ano seguinte, em 1862, foi graduado pela academia naval e acabou por embarcar. Viajou por vários países e, três anos depois, regressou a São Petersburgo. Talvez por isso, alguns dos seus trabalhos refletem a sua paixão pelo mar através de cenas aquáticas, como em Scheherazade, Sadko, The Tale of Tsar Saltan, The Legend of the Invisible City of Kitezh e The Maiden Fevronia. Essa face da sua obra influenciou compositores como Debussy e Stravinsky.
Entre os seus trabalhos mais famosos encontram-se as óperas Snow Maiden (1882), Sadko (1898), The Legend of the Invisible City of Kitezh (1907), The Maiden Fevronia (1907) e le Coq d'Or (1909); e as peças sinfónicas Scheherazade (1888), Capriccio Espagnol (1887) e The Russian Easter Festival (1888).
Rimski-Korsakov soube apreender as ideias de libertação do indivíduo e das nações, trazidas pelo romantismo, que acabaram por gerar um movimento do culto pela nacionalidade. Foi nesse ambiente que, como editor, se dedicou unicamente à publicação de música de compositores russos.
Como referenciar: Nikolai Rimski-Korsakov in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-10-21 14:19:24]. Disponível na Internet: