número atómico

O número atómico, cujo símbolo é Z, representa o número de protões existentes no núcleo de um átomo.
Como o átomo no seu conjunto é neutro, isto é, o número de protões é igual ao número de eletrões, ou seja, o número de cargas positivas é igual ao número de cargas negativas, o número atómico é igual ao número de eletrões orbitando o núcleo desse átomo.
Deste modo, o número atómico, além de informar sobre o número de protões existentes, também indica o número de eletrões. O conhecimento do número de protões de um átomo é fundamental para caracterizar um elemento químico, pois permite distinguir esse elemento de outro qualquer. Elementos químicos diferentes possuem números atómicos diferentes.
O número atómico coincide com o número de ordem do elemento químico na Tabela Periódica dos elementos e com a carga elétrica do núcleo em questão.
À medida que o número atómico aumenta ao longo de um período da Tabela Periódica, vai aumentando o número de eletrões de valência.
O número atómico de qualquer metal alcalino (Grupo 1 da T.P.) é sempre superior em uma unidade ao do gás nobre que o antecede. Do mesmo modo, o número atómico de qualquer metal alcalino-terrroso (Grupo 2 da T.P.) é sempre superior em duas unidades ao do gás nobre que o antecede.
O número atómico de qualquer halogéneo (Grupo 17 da T.P.) é sempre inferior em uma unidade ao do gás nobre que o segue na Tabela Periódica.

Como referenciar: número atómico in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-09-24 11:54:29]. Disponível na Internet: