O Livro de Elisa

Subintitulado Fragmentos, é um exemplar de prosa poética intimista, "monumento de uma longa saudade", "jornal do coração, de que tu (Elisa) serás o único assinante, o único leitor", "o exercício de uma devoção sublime do amor".
Como referenciar: O Livro de Elisa in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-10-19 17:01:03]. Disponível na Internet: