O Mundo a seus Pés

Filme que é considerado uma obra maior do cinema norte-americano. Realizado e protagonizado por Orson Welles, Citizen Kane (1941) contou ainda com a participação de atores como Joseph Cotten, Everett Sloane, Dorothy Comingore, Agnes Moorehead e Alan Ladd. Narra a vida dramática de um magnata da imprensa, da sua ascensão, ao seu abandono e à sua morte. O filme inicia-se com a morte de Charles Foster Kane (Orson Welles). A sua última palavra -Rosebud -, motiva a curiosidade de Jerry Thompson (William Aland), um jovem jornalista que enceta uma investigação do passado obscuro do magnata. Bate à porta de todos os que conheceram Kane e descobre que ainda criança, tornou-se o rico herdeiro de uma fortuna em ouro, tendo sido obrigado a abandonar os seus pais para ser educado. Já adulto, estabelece um conflito com o seu tutor e com a ajuda do seu amigo Jedediah (Joseph Cotten), decide fundar um jornal. Brevemente, aquele que não passava de um simples pasquim torna-se no jornal de maior tiragem de todos os Estados Unidos. Kane casa-se com a sobrinha do Presidente dos E.U.A. mas vive um casamento enfadonho e infeliz, estabelecendo uma relação ilícita com uma aspirante a cantora (Dorothy Comingore). Decide então patrocinar a sua carreira e fazer dela uma cantora lírica, mas em vão. Gradualmente, Kane apercebe-se da sua própria decadência e encerra-se num palácio construído por ele: Xanadu. Welles, apesar de contar com apenas 26 anos à altura das filmagens, imprimiu ao trabalho uma ordem narrativa pouco convencional e explorou com grande habilidade os contrastes de luz e de sombra, muito graças ao competente trabalho do diretor de fotografia Gregg Toland. O filme foi encarado pelo público como uma biografia do multi-milionário William Randolph Hearst que procurou vetar o lançamento comercial da fita. Toda esta campanha negativa provocou um certo alheamento do público pelo que, contrariamente ao que a maioria dos cinéfilos pensa, o filme não foi um sucesso comercial. Apesar de tudo, foi nomeado para nove Óscares (entre os quais o de Melho Filme), vencendo somente na categoria de Melhor Argumento Original, galardão dividido entre Welles e Herman Mankiewicz. O tempo encarregou-se de tornar Citizen Kane numa obra-prima cinematográfica, sendo considerado por muitos cinéfilos como o melhor filme de todos os tempos. De destacar também a excelente qualidade da partitura musical composta por Bernard Herrmann.
Como referenciar: O Mundo a seus Pés in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-11-15 10:00:28]. Disponível na Internet: