O outono

Volume de António Feliciano de Castilho que recolhe poesias originais, traduções, imitações e vários textos em prosa de natureza teórica. Num desses textos, uma carta dirigida ao Rei D. Luís, datada de 1857, Castilho apresenta os frutos do seu outono poético como uma poesia que privilegia a "substância" em detrimento da forma, inspirada pela "filosofia", pela "caridade" e pelo "amor à pátria". Noutra carta, destinada aos portugueses residentes em Porto Alegre, datada também de 1857, Castilho convida os poetas a abraçarem a poesia humanitária e instrutiva por que ele próprio enveredou, nas Estreias Poético-Musicais para o ano de 1853.
Como referenciar: O outono in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-09-22 21:32:40]. Disponível na Internet: