O Senhor Deputado

Terceiro romance da série Cenas da Vida Contemporânea, dotado de um prefácio doutrinário onde Júlio Lourenço Pinto preconiza a função moral do romance e responde às críticas feitas à estética realista. Com o exemplo do casal formado por Amândio, um carácter fraco, um "borrão" subjugado pela mulher, e Zulmira, a quem chamam a "maluquinha" em virtude do seu carácter temperamental, uma mulher sensual e ambiciosa, o autor pretende denunciar a constituição viciosa da família burguesa e as "cenas delirantes" que esta por vezes arrasta: depois do adultério com Francisco de Vilhena e de conduzir o marido ao alcoolismo, Zulmira ainda contribui indiretamente para a morte da tia Sabina, envenenada pelo marido, Oliveira, que enlouquece de desejo pela sobrinha.
Como referenciar: O Senhor Deputado in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-11-26 04:15:24]. Disponível na Internet: