oclusiva

Tipo de consoante definida em relação ao seu modo de articulação. São consoantes, também designadas por momentâneas, produzidas com uma obstrução completa à passagem do ar expelido pelos pulmões provocada pelo contacto entre dois órgãos articuladores no trato vocal (lábios inferior e superior - bilabiais - no caso de [p] [b] e [m]; lâmina da língua e alvéolos - ápico-alveolares - no caso de [t], [d] e [n]; dorso da língua e palato duro - dorso-palatais - no caso de [ñ]; posdorso da língua e véu palatino - posdorso-velares - no caso de [k] e [g]). A obstrução é momentânea, provocando um momento de pressão do ar na cavidade anterior. Quando a constrição é relaxada, o fluxo de ar sai bruscamente acompanhado de uma explosão.
Quanto à nasalidade (levantamento ou abaixamento do véu palatino fechando ou abrindo a cavidade nasal à passagem do ar), as consoantes oclusivas, em português, podem dividir-se em:

• Nasais - [m], [n], [ñ] • Orais - [p], [t], [k], [b], [d], [g]

Quanto ao vozeamento (abertura ou fechamento das cordas vocais) as oclusivas dividem-se em:

• Vozeadas - [b] (<bato>),[m] (<mato>), [d] (<dama>), [n] (<nada>), [ñ] (<amanhã>) e [g] (<gado>);
• Não-vozeadas - [p] (<pato>), [t] (<taco>,[k] (<cama>).
Como referenciar: oclusiva in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-05-25 01:51:03]. Disponível na Internet: