Olivia Goldsmith

Escritora norte-americana, Olivia Goldsmith, pseudónimo de Justine Olivia Rendal, nasceu em 1949, em Nova Iorque, e faleceu a 15 de janeiro de 2004, no hospital Lenox Hill, em Manhattan (Nova Iorque), depois de uma semana de coma, em consequência de complicações resultantes de uma anestesia.
Cresceu em Dumont, em New Jersey e formou-se na Universidade de Nova Iorque. Posteriormente, a escritora mudou legalmente o seu nome de batismo, Randy Goldfield, para o de Justine Rendal. Tornou-se numa mulher de negócios de sucesso e foi uma das primeiras a integrar uma sociedade na consultadoria administrativa da empresa Booz Allen Hamilton. Depois de casar, dedicou-se a escrever livros infantis e, quando o casamento desmoronou, a escritora ficou sem casa e sem emprego. Consagrou-se então exclusivamente aos livros dos quais se destaca First Wives Club (1992), Flavour of the Month (1993), Marrying Mom (1996), Bestseller (1996), The Switch (1998), Young Wives (2000), Insiders (2002), Uptown Girl (2003). O seu primeiro best-seller First Wives Club (1992) foi adaptado para cinema, em 1996, com o título The First Wives Club (O Clube das Mulheres Divorciadas), história que se centra na vingança de três amigas (interpretadas por Goldie Hawn, Bette Midler e Diane Keaton) sobre os respetivos maridos, que as enganaram ao envolverem-se amorosamente com mulheres mais novas.
Como referenciar: Olivia Goldsmith in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-12-07 01:57:33]. Disponível na Internet: