Palácio do Eliseu

Residência oficial do Presidente da República Francesa (desde 1873), na capital, o Eliseu foi construído em 1718, pelo arquiteto Claude Mollet, para os condes d' Évreux. Em 1764, o rei Luís XIV destinou-o a residência dos embaixadores extraordinários. Depois da Revolução Francesa, o edifício passou a albergar os bens nacionais. Na época de Napoleão foi habitado por Carolina Bonaparte Murat e pela imperatriz Josefina, e foi também aqui que, em 1815, Napoleão assinou a sua abdicação.
Como referenciar: Porto Editora – Palácio do Eliseu na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2021-09-18 21:22:21]. Disponível em