Paulo V

Papa italiano, nascido em Roma a 17 de setembro de 1552, Camilo Borghese era filho de Flaminia Astalli e de Marcantonio Borghese. Depois de estudar filosofia em Perugia, doutorou-se em Direito na Universidade de Pádua. Sucedeu ao seu pai como advogado consistorial (ou advogado dos consistórios, sessões do Sacro Colégio), foi referendatário do tribunal da Signatura, vigário da igreja de Santa Maria Maggiore, vice-legado papal em Bolonha, legado em 1593, cardeal três anos depois, bispo de Jesi em 1597 e cardeal vigário de Roma em 1603. O seu papado ocorreu de 16 de maio de 1605 a 28 de janeiro de 1621.
Enquanto pontífice romano, defendeu os direitos daqueles que professavam a Fé católica, para que não fossem prejudicados pelo Protestantismo e incitou os reis cristãos à cruzada contra os turcos, em vez de se guerrearem entre si. Contudo, novas dificuldades surgiram com a formação da Liga Evangélica protestante, em 1608, e em 1609 os católicos formaram uma outra para a combater. Esta foi auxiliada pelo Sumo Pontífice, assim como o imperador Fernando II, na luta contra os protestantes. Deu-se nesta altura um grave conflito com a República de Veneza, uma vez que esta proibiu a obtenção de bens imóveis e a ereção de edifícios de carácter religioso aos clérigos sem a autorização do Senado. Foram ainda detidos para julgamento aqueles que se recusaram a cumprir estas determinações, algo que a Igreja não pôde admitir pois chocava contra todas as leis de imunidade eclesiástica. O papa lançou então censuras e a interdição a Veneza, acabando o conflito por se resolver em favor da Sereníssima República em abril de 1607.
Santa Francisca Romana foi canonizada neste pontificado e Santo Inácio de Loyola, Santa Teresa de Ávila, São Filipe Néri e São Francisco Xavier foram beatificados, tendo também sido legitimada a Congregação do Oratório de França (cuja fundação, em 1611, se deve a De Bérulle).
Paulo V foi um grande mecenas, secundado pela sua família, tendo ainda mandado efetuar muitas obras públicas. Encontra-se sepultado na Capela Paulina (Santa Maria Maggiore), que mandou erigir para lhe servir de mausoléu.
Como referenciar: Paulo V in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-10-24 00:08:26]. Disponível na Internet: