Pedro

Pedro é, segundo o subtítulo, o Romance de um Vagabundo, e terá nascido, de acordo com as indicações do autor, fornecidas na dedicatória a Bento Jesus Caraça, da atração pela figura contraditória do vagabundo, ser que persegue, numa sociedade altamente policiada, um sonho impossível de liberdade, teimando absurdamente em viver divorciado do convívio dos homens. A narrativa acompanha o itinerário de Pedro, através de situações grotescas e fragmentárias que compõem a sua experiência de solidão, apresentando, ainda de acordo com a dedicatória do autor, o "retrato verídico de um miserando homem e a sua história contada em língua vulgar e de maneira singela".
Como referenciar: Pedro in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-04-02 13:33:01]. Disponível na Internet: