Peter Jennings

Jornalista norte-americano de televisão, Peter Charles Archibald Jennings nasceu a 29 de julho de 1938, em Toronto, no Canadá, sendo filho de um dos mais importantes jornalistas radiofónicos canadianos, e faleceu a 7 de agosto de 2005, depois de ter adquirido esta nacionalidade em maio de 2003.
Apesar de ter frequentado diversas universidades canadianas e norte-americanas, nunca completou o ensino superior. Aos 17 anos começou a tentar fazer carreira como locutor de rádio, algo que já havia experimentado aos nove anos num programa da estação canadiana CBC, onde trabalhava o pai.
Aos 23 anos foi contratado por uma rádio canadiana. Uma reportagem que fez sobre o descarrilamento de um comboio acabou por passar na CBC, chamando a atenção dos responsáveis do CTV, o primeiro canal privado de televisão do Canadá. Jennings acabou por ser contratado para co-apresentador do noticiário da noite. A partir de 1964 começou a fazer reportagens como correspondente para o canal ABC, um dos mais importantes do panorama televisivo norte-americano.
No ano seguinte, tornou-se num dos apresentadores da ABC. Tinha 26 anos e passou a ser o mais jovem apresentador de notícias da história da televisão norte-americana. No entanto, em 1968, foi afastado da apresentação devido ao seu sotaque de inglês do Canadá assim como por causa da sua inexperiência. Continuou a trabalhar na ABC como correspondente internacional, tendo passado pelo Médio Oriente para fazer a cobertura da Guerra de Yom Kippur e a guerra civil do Líbano. Em 1972 fez também a cobertura do atentado que vitimou diversos atletas israelitas nos Jogos Olímpicos de Munique, na Alemanha.
Em 1978 tornou-se num dos apresentadores do programa noticioso "ABC World News Tonight", fazendo a apresentação a partir de Londres, enquanto dois colegas estavam em Washington e Chicago. A partir de agosto de 1983 assegurou sozinho a apresentação deste importante programa de notícias, o que aconteceu durante quase 22 anos. Tornou-se assim parte dos chamados "Big Three", compostos por Peter Jennings, Tom Brokaw, da NBC, e Dan Rather, da CBS.
Entre outros acontecimentos, Jennings fez a cobertura da construção do Muro de Berlim, da Queda do Muro, da Guerra do Vietname, assim como dos atentados de 11 de setembro de 2001, nos Estados Unidos da América.
A 1 de abril de 2005, Jennings apresentou pela última vez o noticiário da noite da ABC. Quatro dias mais tarde, anunciou aos telespectadores, através de uma gravação, que tinha de abandonar o trabalho para poder combater um cancro nos pulmões.
Jennings faleceu quatro meses depois, em Nova Iorque, vitimado por esse mesmo cancro. Poucos dias antes da sua morte soube que ia ser condecorado com a Ordem do Canadá. Ao longo da sua carreira recebeu 16 Emmys, o mais importante galardão da televisão norte-americana.
Como referenciar: Peter Jennings in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-07-16 13:41:43]. Disponível na Internet: