Pierre Drieu La Rochelle

Escritor francês (1893-1945), dirigiu La Nouvelle Revue française de 1940 a 1943. Favorável à política colaboracionista, foi perseguido após a Libertação, o que o levou ao suicídio. Entre os seus romances e novelas contam-se: Le Feu follet (1931), La Comédie de Charleroi (1934) e Gilles (1939). Publicou os ensaios políticos: Mesure de la France (1922), Genève ou Moscou (1928) e Socialisme fasciste (1934). O seu Diário foi publicado postumamente.
Como referenciar: Pierre Drieu La Rochelle in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-09-27 17:54:36]. Disponível na Internet: