Artigos de apoio

polarização
A polarização consiste num fenómeno pelo qual um meio inicialmente homogéneo adquire pontos ou superfícies de propriedades contrárias (polares).
A polarização elétrica ocorre quando na matéria que se encontra situada no interior de um campo elétrico (por exemplo, no interior de um condensador plano), os eletrões da superfície, relativamente aos núcleos atómicos, se deslocam em todo o corpo. Produzem-se assim deslocações de carga e a substância fica polarizada. Este processo tem a denominação de polarização por deslocação.
A polarização da luz ocorre quando se fazem passar ondas de luz através de um filtro de polarização (por exemplo, um prisma de Nicol), ficando apenas uma parte polarizada, isto é, o vetor do campo elétrico descrito pela luz oscila perpendicularmente à direção de propagação sobre uma linha reta (polarizada linearmente). Se o vetor gira sobre uma superfície, diz-se que a luz é polarizada circularmente. A luz polarizada pode ser suprimida com o auxílio de filtros de polarização (polarímetro). No caso da luz linearmente polarizada, a superfície formada pelas direções de polarização e de propagação é designada por plano de polarização.
Tal como a luz, todas as ondas eletromagnéticas, e também as ondas de matéria, se podem polarizar, sendo possível comprová-lo, em cada caso, mediante polarizadores e analisadores construídos do mesmo modo.
A polarização magnética ocorre quando no interior de um campo magnético se submetem materiais magnetizáveis à magnetização.
Como referenciar: polarização in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2017. [consult. 2017-07-25 11:48:49]. Disponível na Internet: