Prosa doutrinal de corte

Conjunto de textos teóricos, doutrinários, políticos, religiosos e morais, produzidos na e para a corte, que resultam do desenvolvimento de uma cultura laica nas cortes do século XV, protagonizada pela figura do rei letrado que promove traduções de livros, a organização de bibliotecas e a criação literária. Em Portugal, o nascimento de uma prosa doutrinal de corte coincide com o advento da dinastia de Avis e consubstancia-se em obras técnicas e didático-morais que revelam a importância concedida à educação cultural da nobreza, como é o caso do Livro da Montaria de D. João I, a Ensinança de bem cavalgar toda a sela e o Leal Conselheiro de D. Duarte, ou a Virtuosa Benfeitoria de D. Pedro.
Como referenciar: Prosa doutrinal de corte in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-08-17 13:52:43]. Disponível na Internet: