Quimerídeos

Família de animais aquáticos do filo dos cordados, da classe dos peixes condríctios, da ordem dos quimeriformes, que se distribuem por vinte e cinco espécies. Os animais desta família caracterizam-se por ter a maxila fortemente fixada ao crânio, quatro pares de brânquias e seis pares de placas ósseas trituradoras, que se podem considerar como substitutas dos dentes que estes animais não possuem. O macho apresenta uma formação cefálica óssea com a forma de gancho, que se mantém ereta durante a corte. O par de órgãos copuladores deriva das barbatanas pélvicas. Alimentam-se de pequenos animais e peixes.
Os Quimerídeos ou peixe-rato (Chimaera monstrosa), apresentam a cabeça comprida e possuem um espinho à frente da primeira barbatana dorsal, cuja base é maior do que o espaço que a separa da segunda barbatana dorsal. As barbatanas peitorais ultrapassam o ponto de inserção das barbatanas pélvicas. Os peixes-rato podem atingir um metro de comprimento. São de cor acastanhada ou acinzentada, apresentando manchas escuras longitudinais.
As quimeras ou peixes-rato encontram-se no oceano Atlântico oriental e no Mar Mediterrâneo.
Como referenciar: Porto Editora – Quimerídeos na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2021-09-21 19:36:26]. Disponível em