Quirguistão

Geografia
País da Ásia Central. Faz fronteira com o Cazaquistão, a norte, a China, a leste e a sudeste, o Tajiquistão, a sul, e o Usbequistão, a oeste. As principais cidades são Bishkek, a capital, com 841 100 habitantes (2004), Osh (230 100 hab.), Jalal-Abad (77 700 hab.), Kara-Köl (71 000 hab.) e Tokmok (65 600 hab.). Tem uma área de 198 500 km2.

Clima O clima é continental e árido, com invernos rigorosos e verões relativamente quentes. A precipitação, que ocorre sobretudo nos meses de maio e junho, permite a formação de estepes e pradarias conforme os quantitativos totais anuais. Nas montanhas, que cobrem a maior parte do país, associa-se à aridez o frio intenso, originando desertos frios.

Economia
A agricultura continua a ser um setor importante da economia do Quirguistão, destacando-se a produção de cereais, legumes, de batata, de frutas e de algodão. A descoberta de carvão, ouro, estanho, chumbo, zinco e outros metais transformou a economia do país. Também a produção de cimento, lâmpadas, telhas, aparelhos elétricos, camiões, têxteis, vidros e maquinaria representa uma grande fatia do PIB. Os principais parceiros comerciais do Quirguistão são a Rússia, o Cazaquistão, o Usbequistão e a China.
Indicador ambiental: o valor das emissões de dióxido de carbono, per capita (toneladas métricas, 1999), é de 1,0.

População
A população era, em 2006, de 5 213 898 habitantes, o que corresponde a uma densidade de aproximadamente 25,93 hab./km2. As taxas de natalidade e de mortalidade são, respetivamente, de 22,8%o e 7,08%o. A esperança média de vida é de 68,49 anos. O valor do Índice do Desenvolvimento Humano (IDH) é de 0,727 e o valor do Índice de Desenvolvimento ajustado ao Género (IDG) não foi atribuído (2001). Estima-se que, em 2025, a população seja de 6 803 000 habitantes. Os grupos étnicos mais importantes são os quirguizes (60%), os russos (16%) e os usbeques (14%). A maior parte dos habitantes são muçulmanos sunitas (70%). As línguas oficiais são o quirguiz e o russo.

História
Até 1991, o Quirguistão era denominado Quirguízia. Em 1924, a União Soviética concedeu a autonomia ao país. Em 1936, proclamou-se República Socialista Soviética da Quirguízia. Tornou-se independente em 1991, assumindo o nome de Quirguistão. Depois da elaboração da Constituição, adotada em 1993, tornou-se uma república multipartidária, em que o primeiro-ministro governa com o Conselho Supremo e com a Assembleia Legislativa.
Para além do combate ao terrorismo, as maiores preocupações deste país são a privatização de empresas e a expansão da democracia.
Como referenciar: Quirguistão in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-08-20 17:18:40]. Disponível na Internet: