Artigos de apoio

rand da África do Sul
O rand é a moeda oficial da África do Sul e tem por símbolo R e por código ZAR.
É divisível em 100 cêntimos. O rand é emitido pelo Banco da Reserva Sul-Africana.
Foram lançadas moedas de 5, 10, 20 e 50 cêntimos e de 1, 2 e 5 rands, tal como notas de 10, 20, 50, 100 e 200 rands.
O nome "rand" provém de "Witwatersrand", região de colinas sobre a qual foi erigida a cidade de Joanesburgo e onde foram descobertas as maiores jazidas de ouro da África do Sul.
Nas notas da África do Sul figuram ilustrações de cinco dos principais animais locais, o rinoceronte, o leão, o leopardo, o elefante e o búfalo. As moedas também ostentam figuras de animais, essencialmente aves.
Em 1652, a Cidade do Cabo foi designada como porto de abrigo para os barcos da Companhia das Índias Orientais holandesa e, nessa altura, a Holanda passou a exportar as suas moedas para a África do Sul. Na altura, também vigorava o dólar espanhol.
As primeiras notas chegaram à Africa do Sul em 1782, devido à escassez de moedas holandesas.
Em 1795, a Grã-Bretanha conquistou os territórios da atual África do Sul, mas voltou a perdê-los para os holandeses, em 1802. Estes acabaram por cunhar florins, mas devido à instabilidade no Cabo acabaram por ser levados para Java. Entretanto, em 1806 os britânicos voltaram a conquistar o território. Na altura, circulavam lá moedas portuguesas, holandesas, italianas e indianas e a Grã-Bretanha exportou dinheiro britânico para o Cabo para as substituir. Em 1825, o dinheiro britânico foi declarado como moeda oficial e a libra esterlina entrou em vigor dez anos mais tarde. No entanto, na província de Natal as rupias indianas continuaram a ser a moeda principal, a dada altura em concorrência com moeda australiana. A partir de 1882, também em Natal o dinheiro britânico passou a ser o oficial, o mesmo sucedendo em Bechuanaland (posteriormente Botswana), em 1885.
Ainda durante o século XIX, circularam na região fichas lançadas por privados para fazer face à escassez de moeda oficial.
Em 1910, teve lugar a fundação da União da África do Sul e, em 1920, a libra sul-africana rendeu a esterlina, tendo ambas o mesmo valor. A partir deste último ano, o Banco da Reserva da África do Sul passou a ser a única entidade com permissão para emitir dinheiro.
A 14 de fevereiro de 1961, surgiu o rand da África do Sul, que valia meia libra. Nessa altura, foi criada a República da África do Sul, que assim conquistou a independência face à Grã-Bretanha.
Como referenciar: rand da África do Sul in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2017. [consult. 2017-09-25 18:18:57]. Disponível na Internet: