recuperação (têxteis)

A recuperação, aplicada aos têxteis, consiste na taxa legal de humidade. É a percentagem em peso de humidade sobre a matéria absolutamente seca, que uma fibra têxtil absorve quando é deixada durante muito tempo numa atmosfera standard de 20 ºC e 65% de humidade relativa. Esta humidade natural absorvida pelas fibras têxteis é provocada pela higroscopicidade destas e depende da sua natureza e da humidade relativa do ar. Antes de se proceder à sua faturação da venda de um lote de fibra têxtil, é necessário determinar o seu peso legal, operação que se realiza nos acondicionamentos (locais onde a fibra é colocada em condições de ser pesada), para o que se determina a humidade de amostras representativas do lote a faturar, e deduzindo-se assim a humidade do lote global que é pesado na altura de se retirar as amostras. As taxas estabelecidas de humidade são as seguintes: algodão, 8,5%; linho, 12%; cânhamo, 12,5%; juta, 13,75%; lã penteada, 18,25%; seda natural, 11%; raionas viscosa e cuproamoniacal, 13%; raiona acetato, 9%; nylon, 5,75%, etc.
Como referenciar: recuperação (têxteis) in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-12-07 04:26:17]. Disponível na Internet: