Rio Grande do Sul

O estado do Rio Grande do Sul fica situado na região Sul do Brasil bem como os estados de Paraná e Santa Catarina. A capital é Porto Alegre e o território tem uma área de 281 748 km2. Segundo o censo de 2006, o Rio Grande do Sul tem uma população de 10 963 219 habitantes e uma densidade populacional de 38,91 hab/km2. Apresenta a segunda maior expectativa de vida do Brasil, 74,2 anos, só superada por Santa Catarina.
O relevo do Rio Grande do Sul tem em média 300 m de altitude e é formado pelas planícies litorais e planaltos a oeste e a nordeste e ainda pelas depressões no centro do território. O clima é subtropical, mas nas terras altas é temperado onde dá origem a geadas na estação fria. A cobertura vegetal varia entre a mata de pinheiros a norte, a floresta tropical a leste e a paisagem aberta das pampas a sul e a oeste. Os mangais encontram-se ao longo da costa. Os principais rios são o Uruguais, o Ijuí, o Jacuí, Ibicuí, o Pelotas e o Camacuã.
Os Jesuítas começaram a missão com os índios Tupi-Guarani, em 1627, junto ao rio Uruguai. Contudo, a Coroa Portuguesa acabou por os expulsar em 1680, para aí fundar a Colónia de Sacramento. A atual cidade do Rio Grande foi fundada em 1737 junto à Lagoa dos Patos. Dez anos mais tarde, é fundada a vila de Porto dos Casais que mais tarde deu lugar à cidade de Porto Alegre. As dificuldades de povoamento foram uma constante, já que o território era pobre em produtos que fizeram a riqueza de muitos, noutros sítios. A agropecuária e o charque, carne seca ao sol, eram as principais produções distribuídas no mercado interno. Foi necessário fomentar uma política de emigração estrangeira, sobretudo de alemães e italianos, para povoarem o território durante o século XIX. As carências existentes no Rio Grande do Sul originaram grandes tenções sociais, dando origem a revoltas, a mais famosa das quais, a Guerra dos Farrapos que durou dez anos.
A economia, a partir da década de 70, voltou-se para a indústria alimentícia, petroquímica e do tabaco. O setor do calçado ocupa um lugar cimeiro à escala nacional. Na produção agrícola, a soja ocupa o primeiro lugar seguido do cultivo do milho, trigo e arroz. O turismo encontra-se virado para a exploração dos recursos naturais, como a Lagoa dos Patos e a região das pampas. As ruínas das povoações jesuítas são hoje Património Cultural da UNESCO e um polo de atração turística bem como as cidades colonizadas pelos europeus que aí deixaram os seus traços culturais.
Como referenciar: Rio Grande do Sul in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-05-24 00:56:01]. Disponível na Internet: