romance policial

Rigorosamente, o nome de romance policial deveria ser atribuído ao género de obras em que se trata sobretudo das ilações e diligências engenhosas de um detetive que levam a descobrir o autor ou autores de um crime, através de uma série de aventuras. Todavia, a expressão é aplicada frequentemente a todas as narrativas onde se encontram o mistério e a complicação de episódios em relação com o crime.
Considera-se que o criador do romance policial foi Edgar Allan Poe, com a obra Murders in the Rue Morgue (Os Crimes da Rua Morgue, 1841). Mais tarde, seguiram-se-lhe autores de língua inglesa como Sir Arthur Conan Doyle (criador da famosa personagem Sherlock Holmes), Phillips Oppenheim, Agatha Christie, W. Hornung (criador de Raffles), G. K. Chesterton, e, entre os franceses, Emile Gaboriau, Maurice Leblanc (criador do popular Arsène Lupin), Gaston Lerroux (criador de Rouletabille, em português, Rebola-a-Bola, em romances como O Mistério da Alcova Amarela e O Perfume da Dama de Negro) e Georges Simenon, que é o mais notável entre os escritores modernos de língua francesa que se têm dedicado a este género.
Nos Estados Unidos, Raymond Chandler, com o seu famoso detetive Philip Marlowe, e Dashiell Hammett foram os pioneiros. Os EUA seriam o país que depois haveria de explorar a fórmula do policial até à exaustão, não tanto na sua forma literária como no seu equivalente cinematográfico e televisivo.
Em Portugal, há quem inclua na designação de romance policial os Mistérios de Lisboa de Camilo, O Mistério da Estrada de Sintra de Eça de Queirós e Ramalho Ortigão, e as obras de Alfredo Possolo Hogan (1830-1865) e Francisco Leite Bastos (1841-1886). No entanto, parece ser Reinaldo Ferreira o autor que se destaca no género, ao escrever, com o pseudónimo «Repórter X», inúmeras novelas policiais que se encontram já traduzidas para várias línguas. Também autores como Mário Domingues, João Amaral Júnior, João de Sousa Fonseca, Gentil Marques e Castelo de Morais se destacam dentro do género policial.
Como referenciar: romance policial in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-11-30 05:44:33]. Disponível na Internet: