Rudolph Valentino

Ator norte-americano, de origem italiana, de nome verdadeiro Rodolfo Pietro Filiberto Raffaello Guglielmi, nascido a 6 de maio de 1895, em Castellaneta, e falecido a 23 de agosto de 1926, em Nova Iorque, vitimado por uma peritonite. Foi o primeiro sex-symbol criado pelo cinema, tendo falecido quando se encontrava no auge da sua popularidade. Filho de um veterinário militar, abandonou a casa de seus pais com 17 anos para ir viver para a França e depois para os Estados Unidos. Aqui trabalhou como empregado de mesa e dançarino de tango. Foi na condição de bailarino que se estreou no cinema em My Official Wife (1914). Continuou a trabalhar em cinema, sempre em papéis secundários de personagens latinos. A sua grande oportunidade surgiu quando o realizador Rex Ingram confiou no seu carisma sexual para protagonizar The Four Horsemen of the Apocalipse (Os Quatro Cavaleiros do Apocalipse, 1921). O filme foi um sucesso e o magnetismo de Valentino cativou imediatamente o público feminino. Filmes como The Sheik (O Xeque, 1922), Blood and Sand (Sangue e Arena, 1922), The Eagle (A Águia, 1925), Cobra (1925) e The Son of the Sheik (O Filho do Xeque, 1926) confirmaram a sua fama e estatuto de primeira estrela de Hollywood. A sua morte inesperada provocou uma histeria coletiva entre as suas fãs, tendo comparecido ao seu funeral 80 mil mulheres.
Como referenciar: Porto Editora – Rudolph Valentino na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2021-10-24 17:38:15]. Disponível em