Rui Carrington da Costa

Pedagogo e professor português, Rui Carrigton Simões da Costa nasceu a 25 de agosto de 1894, em Azoia de Baixo, distrito de Santarém.
Frequentou o Instituto Superior Técnico e a Escola de Guerra, na Bélgica, e começou a sua atividade profissional, em 1920, como diretor dos Serviços de Agrimensura, como delegado do Procurador da República e como conservador do Registo Predial, na província ultramarina guineense.
Regressando a Portugal, estabeleceu-se no Porto onde obteve o Curso Superior de Letras e, entre 1929 e 1930, frequentou a Escola Normal Superior de Coimbra. Desenvolveu uma intensa atividade de professor e investigador, sendo docente no Liceu Nacional de Sá de Miranda, em Braga, durante mais de 30 anos. Entre 1936 e 1956, aplicou sistematicamente o teste coletivo de desenvolvimento mental de Arthur Otis a fim de conhecer os jovens portugueses. Para além desse teste, realizou outros, como o teste do desenho e o teste de representação mental criado por Decroly, em vários liceus do país, para que se desenvolvesse uma pesquisa técnico-científica na área da orientação escolar e profissional.
Realizou vários estudos sobre pedagogia, como A Escola Nova e o Pensamento Pedagógico de Ortega y Gasset (1943), e sobre psicologia escolar, em especial, acerca da testometria, como Testes: Limitações do Tempo Destinado à sua Aplicação (1941), Da Necessidade da Existência de Psicólogos Escolares no Ensino Secundário (1957), entre outros estudos e obras: De referir que a sua Obra Completa foi publicada em 2002. O investigador distinguiu-se por ser o pioneiro na investigação da psicologia médica e na aplicação de testes psicológicos e de inteligência, em Portugal.
Rui Carrington da Costa faleceu a 9 de novembro de 1964, em Braga. Após a sua morte, os filhos doaram à Biblioteca Pública de Braga todos os livros psico-pedagógicos e relativos ao ensino. Aquela instituição, honrando a memória do distinto pedagogo, atribuiu o seu nome a uma das salas da biblioteca, a Sala Carrington da Costa, muito apreciada por investigadores nacionais e estrangeiros.
Como referenciar: Porto Editora – Rui Carrington da Costa na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2021-09-22 16:41:28]. Disponível em