Sabugal

Aspetos Geográficos
O concelho de Sabugal, do distrito da Guarda, localiza-se na Região Centro (NUT II), na Beira Interior (NUT III). É delimitado a oeste pelo concelho de Belmonte, a sul pelo concelho de Penamacor (estes dois concelhos pertencentes ao distrito de Castelo Branco), a norte pelos concelhos da Guarda e de Almeida e a este pela Espanha. Os seus solos são predominantemente graníticos.
Ocupa uma área de 822,7 km2 e está dividido em 40 freguesias: Águas Belas, Aldeia do Bispo, Aldeia da Ponte, Aldeia da Ribeira, Aldeia de Santo António, Aldeia Velha, Alfaiates, Badamalos, Baraçal, Bendada, Bismula, Casteleiro, Cerdeira do Coa, Foios, Forcalhos, Lageosa da Raia, Lomba, Malcata, Moita, Nave, Penalobo, Pousafoles do Bispo, Quadrazais, Quintas de S. Bartolomeu, Rapoula do Coa, Rebolosa, Rendo, Ruivós, Ruvina, Sabugal, Santo Estevão, Seixo do Coa, Sortelha, Souto, Vale das Éguas, Vale de Espinho, Vale Longo, Vila Boa, Vila do Touro e Vilar Maior. Em 2005, o concelho de Sabugal apresentava 14 381 habitantes.
O natural ou habitante de Sabugal denomina-se sabugalense.

História e Monumentos
Do património deste concelho fazem parte a Igreja da Misericórdia (em estilo manuelino), a Igreja Matriz de S. João (do século XVIII), a Torre do Relógio (porta de entrada para a vila amuralhada), a Casa dos Britos, o Largo da Fonte, o Castelo de Sortelha (fundado por D. Sancho I), o Castelo de Alfaiates (situado na freguesia com o mesmo nome), a igreja românica de N. Sra. do Castelo, o pelourinho medieval e o Castelo do Sabugal.

Tradições, Lendas e Curiosidades
A feira do concelho de Sabugal realiza-se na primeira quinta-feira e na terceira terça-feira do mês.
São características da região algumas festas e romarias, como, por exemplo, a Romaria da Sra. da Graça, que consiste em três festas anuais (uma na primeira segunda-feira de Pascoela, outra a 15 de agosto e a última no primeiro domingo de setembro).
O feriado municipal é na segunda-feira de Pascoela.
O artesanato típico da região são, por exemplo, as cadeiras e os bancos de junco e a renda das cinco agulhas.

Economia
É essencialmente rural, tendo como atividades predominantes a agricultura e a pecuária. Outras atividades ligadas à terra são também a silvicultura, a pastorícia (para a produção de queijo de ovelha e de cabra), a plantação do carvalho e do castanheiro e o cultivo do centeio.
Existem ainda diversas indústrias ligadas às confeções, aos mármores e aos granitos, às serralharias e aos lagares.
Como referenciar: Sabugal in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-05-24 17:48:21]. Disponível na Internet: