Sade

Cantora e compositora, nascida Helen Folesade Adu a 16 de janeiro de 1959, em Ibadan, na Nigéria. Aos 4 anos os pais mudaram-se para Londres. Estudou design de moda, mas a sua paixão pela música rapidamente se impôs na sua vida, levando-a a ser uma das três vocalistas da banda jazz/funk Pride. Em 1984 surge como cantora e compositora da banda com o seu nome: Sade. O talento de Stuart Matthewman (saxofone, guitarra), Andrew Hale (teclas) e Paul Denman (baixo), acrescentou forma e cor às palavras e melodias de Sade. Surpreendeu o mundo da música com uma sonoridade suave de soul/pop.
Em 2000, edita Lovers Rock, o qual é galardoado com um Grammy, como o melhor álbum vocal pop do ano. Este álbum marca o regresso de Sade, após alguns anos sem gravar, e revelou-se um enorme sucesso comercial.
O seu trabalho como cantora foi reconhecido em todo o mundo, como o prova a sua distinção com a Ordem do Império Britânico.
Os seus primeiros quatro álbuns venderam mais de 38 milhões de cópias em todo o mundo, ficando célebres temas como «Smooth Operator», «The Sweetest Taboo», «No Ordinary Love», entre outros.
Como referenciar: Porto Editora – Sade na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2021-10-21 14:53:22]. Disponível em